Quais temas podem estar presentes na redação do Enem em 2022?

 em BLOG UNIFACEAR

Na última semana, publicamos um texto que orientava sobre os passos para uma boa introdução no Enem. Hoje, vamos especular a respeito de possíveis temas para a edição de 2022 do Exame Nacional do Ensino Médio. 

Prever com exatidão é sempre um caminho complicado. Ao longos dos anos, já houveram temas que conversavam com a realidade social do período da prova, mas também existem exemplos que fogem da regra. Ainda assim, é importante estar atualizado e ter conhecimento sobre questões pontuais. Elas podem, inclusive, ser exploradas em outros momentos da prova. No blog de hoje, confira uma seleção de temas “quentes”. 

temas

Insegurança alimentar

A alta nos preços de alimentos que compõem a cesta básica dos brasileiros, o forte desemprego e a desvalorização do poder de consumo são questões para a volta da fome como um problema social gravíssimo em todo o país. Não é exatamente uma agenda pontual quando pensamos na atualidade, visto que é uma pauta que se arrasta há muito tempo. Mas o Enem pode surpreender com algo nesse sentido. 

Ensino a distância

Um tema pontual, especialmente em vista da pandemia e da forma como diversas instituições de ensino precisaram se readequar. O EaD já era uma realidade há muitos e muitos anos, porém passou a ser uma necessidade. E, mesmo com a sociedade voltando ao normal após o auge do contágio pela COVID 19, tem superado o presencial no número de novas matrículas. 

Contudo, há desafios para que esta seja uma ferramenta de êxito para o ensino, já que ela esbarra em questões como uso da tecnologia, acesso à internet, conexão de qualidade e outras pautas sociais relacionadas à desigualdade. Tudo isso representa um debate bem amplo e vale a pena estudar o assunto e estar preparado. 

Aumento da depressão durante a pandemia

A pandemia desencadeou em uma série de problemas de saúde mental em grande parcela da população brasileira. 

É interessante salientar que uma das principais explicações para esse fato pode estar ligado ao estresse causado pelo isolamento social, o que causou afastamentos de familiares e amigos, mudança na dinâmica de trabalho e estudo e, claro, perdas muito sentidas. 

Relevância dos influenciadores digitais na lógica de consumo

Atualmente, os influenciadores digitais estão atingindo cada vez mais a população. Esse assunto pode ser trazido na redação como proposta de reflexão, visto que o impacto dessas pessoas no mercado e nos hábitos da população de modo geral é bem forte.

Um estudo da Qualibest mostrou que os influencers já são a segunda maior fonte de informação no momento da decisão no consumo, mostrando que a comunicação e os métodos de pesquisa “tradicionais” têm sido menos usuais para boa parte das pessoas.

Inclusão de indígenas e quilombolas na sociedade

Indígenas e quilombolas lutam por algo em comum: a proteção de seus territórios que se encontram ameaçados pela demora na regularização fundiária e pelo avanço da exploração minerária. Neste tema, deve-se reforçar que é um direito de todos os brasileiros o amparo do patrimônio dos povos indígenas e quilombolas.

Sendo assim, o tema requer uma reflexão e um cuidado a respeito da segurança e do acolhimento de povos que habitam o país. 

Centenário da Semana de Arte Moderna

No início do ano, foi celebrado o centenário da Semana de Arte Moderna, fazendo com que esse seja um tema propício nos vestibulares. O evento ocorreu nos dias 13, 15 e 17 de fevereiro de 1922 e foi uma cerimônia relevante em nossa história, recheada de música, dança, poesia, pintura, escultura e palestras. 

Apesar da inspiração nas vanguardas europeias, a proposta do evento era valorizar a cultura brasileira e suas produções artísticas.

Conflito na Ucrânia

Óbvio! A guerra teve início em 24 de fevereiro de 2022, quando a Rússia iniciou uma operação militar na região leste da Ucrânia. Uma das principais motivações tem relação com o desejo da Ucrânia de ingressar na Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) e na União Europeia, após sua independência em 1991. 

No passado, a Ucrânia foi dominada pela então União Soviética, resultando em uma violação da liberdade do povo ucraniano. Além disso, em 2014, a Rússia invadiu a península da Crimeia, situada no sul da Ucrânia, cenário que contribuiu para uma grande tensão bélica entre os dois países. 

Talvez seja um tanto evidente que esse é um tema quente, o que pode afastar as possibilidades, visto que os estudantes estariam demasiadamente preparados. Mas não custa saber detalhes sobre todo o conflito, uma vez que é algo que pode aparecer nas provas como um todo. 

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

RedaçãoComandos