Verdades e Mentiras sobre o Coronavírus

 em UNIFACEAR

Desde a divulgação dos primeiros casos, as informações sobre o coronavírus têm sido alvo de debate na internet. Essa pandemia que chegou no Brasil exige cuidados específicos e principalmente muita cautela em nossas ações e nas informações que compartilhamos.

Com isso em mente, trouxemos algumas mentiras que circulam na internet sobre ações do governo e meios de prevenção. Mas fique tranquilo, trouxemos também os melhores cuidados para você se prevenir.

O QUE É MENTIRA SOBRE AS MEDIDAS DO GOVERNO?

Mensagem: Medida provisória determina suspensão da aposentadoria dos idosos que saírem às ruas em meio à pandemia do coronavírus.

Explicação: Nos moldes do informativo do governo, uma imagem falsa dizendo que os idosos que circulassem nas ruas iriam perder a sua aposentadoria. O governo Federal nega essa informação. Além disso, a medida provisória 922 não é de 18 de março de 2020, como diz a mensagem falsa, mas de 28 de fevereiro. No texto da proposta, não há nenhuma menção ao trânsito de idosos e à penalidade por descumprimento do isolamento.

Mensagem: mensagem que indica números de Centros de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde para acionar exame de coronavírus em casa.

Explicação: Há uma mensagem circulando pela internet que indica números do CIEVS estadual e municipal para diferentes localidades, porém os órgãos já desmentiram essa informação.

O QUE É MENTIRA SOBRE OS MEIOS DE PREVENÇÃO?

Pela internet há diversos “métodos milagrosos” que prometem te blindar contra o coronavírus, porém muitos não são verdadeiros, dentre as mentiras encontradas estão:

– Gargarejo com água morna, sal e vinagre elimina o coronavírus;
– Soroterapia e shots de imunidade no combate ao vírus;
– Tigela de água com alho recém-fervida cura o coronavírus;
– Vitamina C e limão combatem o coronavírus;
– Álcool gel pode ser substituído por vinagre na prevenção contra o vírus.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), o Ministério da Saúde, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e especialistas refutam todas as medidas acima. O Ministério da Saúde reforça que “até o momento, não há nenhum medicamento, substância, vitamina, alimento específico ou vacina que possa prevenir a infecção pelo novo coronavírus”.

Mensagem: prender respiração por 10 segundos para verificar se coronavírus causou fibrose nos pulmões.

Explicação: especialista refutam essa técnica informando que não há nenhuma evidência da sua eficácia. Além disso, outros exames específicos são necessários para identificar se há fibrose ou não.

O QUE É VERDADE?

Não há no momento um tratamento específico para o novo coronavírus. A maior recomendação da OMS é evitar aglomerações e ficar o máximo possível em casa. A seguir listamos algumas medidas para você se prevenir:

– Lavar as mãos frequentemente com sabonete é o que vem sendo apontado como o mais eficaz;
– Usar álcool gel. Ele dissolve a “capa protetora” de gordura que envolve o vírus. Álcool líquido 70% também pode ser usado em caso da falta do em gel, mas acima deste percentual ele agredirá a pele;
– Não botar a mão na boca, no nariz ou nos olhos também evita levar o vírus para as mucosas do corpo, por onde ele também entra;
– É fundamental usar lenço na hora que tossir ou espirrar e jogar aquele papel fora na hora;
– Higienizar as superfícies, como mesas e bancadas. Você pode usar limpadores multi-uso, desinfetantes, limpa-vidros ou uma solução diluída de hipoclorito. Mas lembre-se, esses produtos NÃO são indicados para usar na pele.

Neste momento, cada um tem que estar consciente do seu papel. Devemos pensar coletivamente, onde atitudes em prol do próximo salvarão vidas. Essa epidemia vai passar e não devemos entrar em pânico. Se cada um fizer a sua parte, rapidamente passaremos por essa delicada situação.

Busque sempre confirmar a fonte das informações que você recebe. Para saber mais sobre fatos verdadeiros ou fake News acesse: https://g1.globo.com/fato-ou-fake/

Postagens Recentes

Deixe um Comentário