Palestra ministrada pelo Deputado Estadual Rasca reúne alunos das Engenharias dos Campi de Curitiba

 Em UNIFACEAR

No dia 20/04/2018 foi realizada uma Palestra no Campus Kennedy através da Coordenação do curso de Engenharia Ambiental em parceria com o Capex, cujo tema foi a Revitalização do Rio Belém e a Redução da Escarpa Devoniana, ministrada pelo Deputado Estadual Rasca Rodrigues aos alunos das Engenharias dos Campi Bacacheri, Kennedy e Sítio Cercado.

Inicialmente o deputado Rasca explicou sobre o projeto de Revitalização do Rio Belém que envolve a população e o poder público, onde é realizado um movimento em prol da recuperação e revitalização dos 21 quilômetros do rio Belém, que abrange hoje 37 bairros de Curitiba.  Foi explicado o trajeto completo do rio desde sua nascente até sua foz no Rio Iguaçú e que esta bacia hidrográfica é a mais poluída, das 6 existente em Curitiba. O maior índice de poluição é realizado pelo descarte irregular de esgoto doméstico ao logo de suas margens. O projeto para a revitalização já foi entregue ao prefeito Rafael Greca em dezembro de 2017 com obras de drenagem, criação e conservação de parques, esgotamento sanitário e soluções como a fitorremediação (filtragem com o uso de plantas aquáticas). Rasca lembrou ainda que o trabalho de educação ambiental é primordial para garantir esse projeto.

Na sequência foi falado sobre o projeto de Lei que tramita na Câmara dos Deputados, de autoria do deputado Plauto Miró, que prevê a redução de 70% da área de proteção ambiental da Escarpa Devoniana – é a maior APA do Paraná, com 392 mil hectares, criada em 1992m para assegurar a proteção dos recursos naturais entre o Primeiro e o Segundo Planalto. – Rasca explicou que com a redução da Escarpa serão retiradas a proteção de 11 Unidades de conservação, entre eles Parque Vila Velha, Parque do Monge, Parque do Cerrado. Ficarão em perigos 108 sítios naturais da APA como o Buraco do Padre e a Gruta Sengés. Além de animais em extinção ficarem ameaçados sem a proteção da APA.

Segundo Rasca: “A Escarpa Devoniana é um patrimônio de todos os paranaenses, do Brasil e do mundo. Não podemos permitir, sem resistência, que ela seja destruída para atender a pequenos interesses particulares.”

Para finalizar, o coordenador do curso de Engenharia Ambiental – Marcelo Bueno citou que “No meu ponto de vista o evento cumpriu com o seu objetivo de acordo com os temas propostos. São temas polêmicos e que geram discussão entre o meio civil, profissional e até mesmo acadêmico, público-alvo do evento. Os alunos do curso de Engenharia Ambiental puderam identificar na prática a necessidade da aplicação das leis ambientais e do monitoramento destas áreas principalmente por conta de suas condições distintas em nível de conservação e preservação as quais se encontram atualmente”.

Posts recentes

Deixe um comentário