NPJ obtém liminar que concede guarda provisória da neta ao avô

 em UNIFACEAR

O Núcleo de Prática Jurídica da Unifacear atende o caso de um avô, que solicita a guarda da neta devido à falta de cuidados da mãe. Visto a urgência do caso e a necessidade da menor ser amparada legalmente por um responsável, a aluna Loredana Romaniv, sob a supervisão das professoras e advogadas do NPJ, Genilma Pereira de Moura e Amanda Viega Spaller, realizou um pedido de tutela afim de que fosse deferida a guarda de forma provisória ao avô.

NPJAo final do mês de junho, o juiz da 2ª Vara de Família do Bairro Novo (Sítio Cercado), deferiu a medida liminar, concedendo a guarda provisória ao avô. Ressalta-se parte da decisão: “Tais provas, coadunam com os fatos narrados pelo autor em sua petição inicial, sendo que, a regulamentação da guarda unilateral em favor do autor e avô, é a medida que melhor atende aos interesses da infante neste momento. Logo, entendo que há elementos suficientes para deferir o pedido liminar e regulamentar, em sede de cognição sumária, a guarda provisória em favor do autor”.

Diante de mais um caso de sucesso, é válido observar o comprometimento deste Núcleo perante a comunidade, através de seus alunos e professores que aqui atuam.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

NotaProuni