Faculdade de Engenharia Elétrica: Saiba tudo sobre o curso e a carreira

 em BLOG UNIFACEAR

faculdade-de-engenharia-eletrica-saiba-tudo-sobre-o-curso-e-a-carreira

 

Faculdade de Engenharia Elétrica: Saiba tudo sobre o curso e a carreira

 

A faculdade de engenharia elétrica é uma das mais prestigiadas e procuradas, pois, além de ser muito tradicional, envolve todas as áreas de exatas e também conta com uma vasta área de atuação.

Ela visa formar profissionais plenamente capacitados e focados em atuar em concessionárias de energia, indústrias, consultorias, empresas prestadoras de serviços e no setor público.

Assim como, também, fiscalizar e periciar obras e serviços dentro de sua área de conhecimento, assim como exercer funções de ensino e pesquisa. Atua, inclusive, com informática e sistemas, e redes de comunicação e telecomunicação.

Já deu pra perceber o quão completo é o curso e como é rica a carreira. Agora, continue lendo esse artigo para saber tudo sobre a faculdade de engenharia elétrica e a carreira.

 

Como é a faculdade de engenharia elétrica?

 

A faculdade de engenharia elétrica é uma graduação do tipo bacharelado. Nos dois primeiros anos do curso o aluno estuda as matérias mais básicas, presentes em todos os cursos de engenharia, como: Cálculo, Química, Física e Computação.

Ademais, nos anos seguintes, até a conclusão do curso, são abordadas matérias mais específicas da área de elétrica com abordagens no estudo de Eletrônica e Telecomunicações e também com as atividades experimentais em laboratórios.

 

Quanto tempo dura a faculdade de engenharia elétrica?

 

A duração da faculdade de Engenharia Elétrica é de 5 anos e para se formar como Engenheiro Elétrico é necessário passar pelo TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) e também pelo estágio, ambos obrigatórios.

Também existe a possibilidade de continuar os estudos e se especializar em alguma área da Engenharia Elétrica fazendo um curso de Pós-Graduação.

 

 

Qual a Grade Curricular da faculdade de engenharia elétrica?

 

As matérias abordadas durante os 5 anos de Engenharia Elétrica abrangem, em grande parte, as de exatas. Ou seja, matemática e física são matérias obrigatórias e, se você não gosta dessas matérias, engenharia provavelmente não é pra você.

Vamos ver agora a grade curricular da faculdade de Engenharia Elétrica da Unifacear.

 

1º Período

Desenho Técnico e CAD

Elementos de Cálculo

Introdução à Engenharia e Legislação

Química Geral

Técnicas de Comunicação

 

2º Período

Teoria de Limites e Derivadas

Fundamentos de Mecânica e Termodinâmica

Geometría Analítica e Álgebra Linear

Engenharia de Segurança no Trabalho

Gestão Ambiental e Recursos Naturais

 

3º Período

Teoria das Integrais

Fundamentos de Ondulatória

Estatística

Engenharia Econômica

Humanidades

 

4º Período

Inovação e Tecnologia

Fenômenos de Transporte

Cálculo Numérico

Fundamentos de Eletricidade e Magnetismo

Viabilização de Oportunidades de Negócios

 

5º Período

Equações Diferenciais e Ordinárias

Resistência dos Materiais / Mecânica dos Sólidos

Materiais Elétricos e Ciência dos Materiais

Dispositivos Eletrônicos

Optativa Grupo I

Estudo Integrado I – Avaliações e Perícias 

 

6º Período

Eletrônica I (Analógica)

Técnicas de Programação

Eletromagnetismo

Eletricidade Básica e Instalações Elétricas

Tópicos Especiais em Engenharia Elétrica

Estudo Integrado II – Energias Renováveis e Alternativas

 

7º Período

Circuitos Elétricos I

Máquinas Elétrica e Acionamentos I

Eletrônica II (Digital) 64

Sistemas de Controle I 64

Projeto Integrado em Engenharia Elétrica

Estudo Integrado III – Matriz e Eficiência Energética

 

8º Período

Circuitos Elétricos II

Máquinas Elétrica e Acionamentos II

Sistemas de Controle II

Eletrônica de Potência

Sistemas de Telecomunicações

Estudo Integrado IV – Geração de Energia Elétrica

 

9º Período

Microcontroladores e Sistemas Digitais

Sistemas de Potência I

Trabalho de Conclusão de Curso I

Estágio Supervisionado I

Engenharia de Automação

Estudo Integrado V – Tópicos Avançados em Telecomunicações

 

10º Período

Instalações Elétricas Industriais

Sistemas de Potência II

Trabalho de Conclusão de Curso II

Estágio Supervisionado II

Gestão da Qualidade

Atividade Complementar

 

Ufa! 😅

 

Qual o valor da faculdade de engenharia elétrica?

 

Os cursos de engenharia são geralmente uns dos mais caros que existem, dado a duração do curso e a importância dele para o mercado.

Além disso, o valor do curso de Engenharia Elétrica pode variar bastante conforme a instituição de ensino e a região do país em que está localizado.

Na Unifacear, são praticados diferentes valores de acordo com a modalidade:

Presencial

Semipresencial

EAD

 

 

5 dicas para ser um engenheiro eletricista de sucesso

 

A graduação em Engenharia Elétrica ganhou destaque recentemente, especialmente porque tem muito a ver com as áreas de computação e inovação. Com isso, tornou-se uma área muito valorizada no mercado de trabalho.

Uma boa formação é fundamental, mas não é o bastante para garantir uma boa colocação  no mercado. Para isso, você vai precisar caprichar para se destacar em relação à concorrência. 

Pensando nisso, preparamos 5 dicas para se destacar na carreira. Confira!

 

Mantenha-se atualizado

Estude novidades e tendências. A Engenharia Elétrica está em constante evolução.

 

Aprimore a comunicação

O bom diálogo abre portas dentro e fora de sua empresa.

 

Tenha habilidades de gestão

Falando em equipe, saiba gerenciar pessoas e conduzir um planejamento meticuloso.

 

Aprenda um novo idioma

O inglês é a língua franca da Engenharia, mas você pode ir além e se abrir a outros mercados.

 

Faça networking

Bons contatos geram oportunidades para a construção de uma carreira sólida.

 

Como é o perfil do engenheiro elétrico?

 

Como deu pra ver, “só” dominar as matérias de exatas não são suficientes para se tornar um engenheiro eletricista de sucesso. Para isso você vai precisar saber resolver problemas, mas os da vida real.

O engenheiro é contratado para apresentar soluções referentes à geração, captação e distribuição de energia elétrica, sempre tratando de assuntos complexos.

Dessa maneira fica claro que é preciso um senso prático para desenvolver os projetos, portanto, uma habilidade muito importante do engenheiro eletricista é o raciocínio lógico.

Além disso, as principais características do profissional de Engenharia Elétrica, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

  • Criatividade;
  • Pró-atividade;
  • Trabalho em equipe;
  • Raciocínio lógico;
  • Raciocínio analítico;
  • Capacidade de síntese;
  • Visão espacial.

 

Quais áreas de atuação do engenheiro eletricista?

 

Como já mencionamos, a área de atuação engenharia elétrica é bem vasta e, segundo o MEC (Ministério da Educação) o Engenheiro Eletricista é habilitado para trabalhar em:

  • Concessionárias de energia nos setores de geração, transmissão ou distribuição;
  • Empresas de automação e controle, atendendo ao mercado industrial e aos sistemas de automação predial;
  • Projetos, manutenção e instalações industriais, comerciais e prediais, atendendo às necessidades de implantação, funcionamento, manutenção e operação dos sistemas;
  • Na definição do potencial energético de bacias hidrográficas, eficientização de sistemas energéticos, conservação de energia, fontes alternativas e renováveis de energia;
  • Com simulação, análise e emulação de grandes sistemas por computador; na fabricação e na aplicação de máquinas e equipamentos elétricos.

Além disso, o engenheiro elétrico também pode trabalhar nas seguintes áreas:

  • fornecimento de energia elétrica
  • automação elétrica em indústrias
  • construção civil
  • eletroeletrônica
  • telecomunicações
  • microeletrônica
  • hardware e programação (computação)
  • instrumentação
  • engenharia biomédica
  • planejamento de redução de consumo elétrico

 

Quanto ganha um engenheiro elétrico?

 

Segundo o site salário, um Engenheiro Eletricista ganha em média R$ 7.997,62 no mercado de trabalho brasileiro para uma jornada de trabalho de 41 horas semanais.

A faixa salarial do Engenheiro Eletricista fica entre R$ 7.299,34 (média do piso salarial 2021 de acordos coletivos), R$ 8.586,00 (salário mediana da pesquisa) e o teto salarial de R$ 15.693,49, levando em conta o salário base de profissionais em regime CLT de todo o Brasil.

 

 

Como está o mercado de trabalho para a engenharia elétrica?

 

Para poder atuar profissionalmente, além do diploma em um curso reconhecido pelo MEC, o engenheiro eletricista precisa estar regularmente inscrito no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA).

O mercado de trabalho também exige atualização constante para que o profissional mantenha seu emprego. O exercício pleno da atividade costuma acontecer, em média, após quatro anos de experiência na área.

Além disso, tendo em conta a expansão das fontes de energia renovável e a implementação da telefonia 5G no Brasil, o mercado de trabalho está muito promissor para os próximos anos.

 

Faça Faculdade de Engenharia Elétrica na Unifacear!

 

A Faculdade de Engenharia Elétrica da Unifacear é oferecida atualmente nas modalidades Semipresencial e EAD e conta com os mais completos laboratórios para quem está estudando aprender na prática.

Além disso, conta com os melhores professores que estão sempre à disposição para tirar qualquer dúvida e atender os alunos quando precisarem.

Outro ponto positivo é que o aluno da Unifacear, pode contar com a Central de Talentos e Carreiras, onde são oferecidas vagas de emprego e estágio para os alunos egressos.

Não perca tempo e venha agora mesmo para a Unifacear!

Faça já sua inscrição!

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

faculdade-ead-5-benefícios-desse-tipo-de-graduação