Como escolher uma profissão? Veja dicas para descobrir qual curso fazer

 em BLOG UNIFACEAR

Se inserir no mercado de trabalho é sempre um desafio: é preciso procurar as melhores opções quanto a salário, oportunidades e tudo mais. Com muitas escolhas, é comum ter a seguinte dúvida: como saber qual profissão seguir?

Se você está iniciando no mundo do emprego, os questionamentos serão ainda maiores. Apesar de sempre dar para fazer uma transição de carreira, é muito melhor estar bem decidido sobre o que fazer, ter um plano e terminar a graduação satisfeito com suas escolhas.

Para te ajudar a pensar na melhor escolha de profissão e curso, veja a seguir 10 dicas importantes para quem quer descobrir sua vocação, além, é claro, de conhecer a viabilidade de cada possibilidade. Boa leitura!

Profissão10 dicas para escolher uma profissão e seu curso

Antes de escolher uma graduação, é fundamental pensar bastante. Afinal, você estará em um curso que pode durar até 6 anos, então é bom saber o que fazer para não acabar perdendo tanto tempo.

É claro que o estudo sempre pode ser aproveitado e você pode mudar de carreira, mas é bem melhor já estar direcionado logo no início. Para te ajudar a escolher uma profissão, confira nossas 10 dicas:

  • Descubra seus interesses

Antes de mais nada, é fundamental saber quem você é e do que gosta. Que tal fazer uma reflexão sobre as áreas do conhecimento que você mais se interessa, percebendo onde você será feliz estudando e, futuramente, trabalhando?

Uma boa ideia aqui é relembrar as matérias do ensino médio, percebendo em quais você gostava mais das aulas e se dava melhor. Assim, é mais fácil descobrir, por exemplo, se você é de humanas ou exatas. Também é interessante pensar naquilo que te interessa, que poderá estar em um trabalho gratificante.

  • Esteja ciente de suas habilidades

Além de saber o que você gosta, que tal pensar também naquilo que você é bom? Somando a análise do que chama a sua atenção, faça também uma sobre suas habilidades, afinal, elas te ajudarão a se destacar futuramente como profissional.

Conhecendo seus pontos fortes, você já saberá quais são os melhores caminhos a seguir, em que as chances de ter sucesso serão maiores. Geralmente, nossos interesses vão ao encontro das nossas habilidades, mas nem sempre é assim, sendo interessante mesclar os gostos com as competências.

  • Procure um teste vocacional

Está com dificuldades para entender seus interesses e habilidades? Então é hora de pensar em realizar um teste vocacional e descobrir quais são os melhores caminhos para você.

A internet conta com diversas opções de testes vocacionais, sendo interessante fazer mais de um para ter um resultado mais seguro. Se você se deparar com uma profissão que não imaginava, pode ser uma grande chance de descobrir uma área totalmente nova. De toda forma, não há nenhuma obrigação de seguir o que for indicado no exame.

  • Pesquise sobre a profissão que mais te interessa

Quando o futuro estudante já está mais inclinado a tomar uma decisão, é extremamente útil pesquisar sobre a profissão de interesse.

Depois de já ter uma ideia do que fazer, é sempre válido pesquisar as tarefas costumeiras da profissão, para ver se você irá se encaixar ali. Lembre-se: além de estudar em média 5 anos em um curso, você poderá ficar ainda mais tempo em um trabalho, sendo fundamental gostar dele.

  • Analise o mercado de trabalho para a área escolhida

Além de pensar nos estudos e no que fará no trabalho, que tal pensar também na viabilidade financeira de sua escolha? Infelizmente, não dá apenas para escolher uma profissão com base apenas em nossos interesses e habilidades, é preciso se atentar à realidade.

Trabalhar com aquilo que gosta é sempre legal, mas um salário baixo faz com que qualquer um perca a paixão pela área escolhida. A vida cobra mais à medida que o tempo vai passando, ter estabilidade é uma necessidade!

  • Veja as tendências

Além de pesquisar sobre as profissões que são de sua preferência, uma boa ideia é conhecer aquelas que estão em auge no mercado. Conhecer os cargos que estão em destaque pode te fazer mudar de ideia sobre o futuro, sendo, inclusive, interessante saber das previsões de crescimento das profissões.

  • Conheça profissionais

Está em dúvida se a profissão escolhida é realmente aquilo que você pensa? Nada melhor do que conversar com alguém que já está inserido nela para tirar suas dúvidas.

Conhecendo profissionais da área de desejo você poderá ver como é o dia a dia do trabalho, a faixa salarial e uma opinião mais sincera e realista sobre seu emprego. Uma boa ideia para ter esses contatos é indo em mostras de profissões, eventos comuns em universidades públicas.

  • Descubra qual curso fazer

Pode parecer que esse seja um dos primeiros passos, mas dependendo da profissão, ele não é. Para alguns trabalhos, existe uma formação necessária como, por exemplo, engenheiro civil, arquiteto, advogado, dentista etc.

Em outros casos, você pode atuar em uma profissão com diversas formações diferentes, principalmente na área da tecnologia. Esse leque de possibilidades te ajuda a ver mais caminhos para seguir, entretanto, vale conhecer as especificidades de cada curso para não se arrepender depois.

  • Conheça a grade curricular do curso escolhido

Por mais que seu objetivo final seja entrar na carreira que deseja, o período na faculdade também é bem importante. Passar 5 anos estudando algo que não gosta não faz bem para ninguém e, provavelmente, produzirá um profissional insatisfeito.

Cheque na grade curricular do curso escolhido se as disciplinas te agradam, se é aquilo mesmo que você deseja estudar. Além disso, conhecendo as matérias, você pode ver se aquela é mesmo a graduação certa para a profissão escolhida.

  • Estabeleça critérios para escolher uma faculdade

Depois de já ter certeza do curso que irá fazer, é chegado o passo final. Você precisa escolher onde irá estudar!

Diversas características podem ser consideradas para escolher uma universidade, como por exemplo:

  • localização do campus;
  • grade curricular do curso;
  • professores;
  • infraestrutura;
  • nota de corte;
  • projetos de pesquisa e extensão, etc

É claro que nem sempre podemos estudar onde queremos, mas é sempre bom buscar as melhores opções. Fazer um esforço extra pode ser a solução para conquistar a melhor vaga.

*Publicação do Blog Responde Aí

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

CuritibaEducação Física