Benefícios das atividades físicas para os estudos

 em BLOG UNIFACEAR

Tudo é uma questão de equilíbrio. Em tempos de provas importantes, muitas vezes o foco nos estudos acaba sendo tão forte que outras atividades passam despercebidas. Assim, um hábito de vida saudável fica em segundo plano. A dedicação exclusiva aos estudos por um tempo longo pode causar malefícios. No blog de hoje, vamos mostrar que uma rotina de atividades físicas pode ser uma aliada fundamental em seu desempenho diante de testes e a jornada acadêmica como um todo. Não acredita? Vem conferir!

Atividades
Importância dos exercícios físicos para a saúde mental

Além de prevenir o desenvolvimento de doenças crônicas, como diabetes, as atividades físicas são aliadas contra problemas relacionados à saúde mental. Ideias bem organizadas são fundamentais quando pensamos em estudos.

Uma dessas questões é a ansiedade. No ritmo que vivemos atualmente, é normal se sentir pressionado. Por isso, ocupar-se com algo diferente, que irá relaxar a mente, estimular o corpo e equilibrar a produção de hormônios ligados ao bem-estar, como endorfina, serotonina e dopamina, é uma forma eficiente de driblar a ansiedade. Todos esses hormônios agem no sistema nervoso e provocam relaxamento e euforia.

Além disso – ainda no campo da saúde mental – é notável a melhoria no cognitivo, com habilidades ligadas à linguagem e memorização sendo potencializadas. Estudar por longas horas sem trabalhar com essas pausas pode bagunçar o cognitivo.

Benefícios no metabolismo

Com a prática de exercícios, o metabolismo é duramente impactado a curto e longo prazo. Esse fator otimiza os sistemas circulatório e respiratório, melhorando o transporte de nutrientes pelo corpo.

Outro fator diretamente relacionado ao metabolismo é o sono. Com essa otimização citada acima, a distribuição de energia utilizada será melhor distribuída pelo corpo, sendo mais fácil se concentrar quando necessário e também pegar no sono quando chegar a hora de ir para cama. É significativo reforçar que um descanso de qualidade jamais deve ser negligenciado em detrimento de estudar muito.

Confiança e resistência

É comprovado que a prática constante de exercícios eleva a autoestima. Essa confiança pode ser crucial para uma melhor tomada de decisão na busca pelos objetivos. Entre os fatores que podem ser afetados, está o desempenho no momento da prova. É importante ter cautela por vários motivos, mas a confiança na realização de um cálculo, por exemplo, é um elemento fundamental.

Também deve ser comentado a respeito da imunidade do corpo e resistência. Os exercícios regulares o deixarão menos propenso a contrair resfriados e gripes, além de auxiliarem em uma boa respiração e resistência física, que são fatores de controle de ansiedade e que ajudam o estudante a se manter mais tempo calmo durante uma prova ou um momento mais ‘puxado’ de estudos.

Como escolher?

O primeiro passo é crucial: não se force a fazer algo que não gosta. Há sempre diversas alternativas de esportes e práticas como um todo. Uma vez que tenha escolhido, é primordial criar uma rotina que não vá comprometer de forma crucial o seu tempo com outras atividades, uma vez que deve ser um adicional para o dia a dia, e não um fardo. Em um primeiro momento, a frequência de duas vezes por semana é interessante para criar gosto pela atividade e se acostumar com tudo o que ela demanda. A intensidade pode ser aumentada com o tempo.

Com prazer pela atividade, será fácil aumentar o ritmo e superar possíveis frustrações. E os impactos nas demais atribuições da vida serão sentidos.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

ComercialRedação